logo marca elementar

VER IMAGENS

SOBRE

Morar em meio à natureza está cada vez mais raro e esta casa nos chegou como uma oportunidade de aproveitar uma bela vista proporcionada pela declividade do terreno e um exuberante entorno natural em Gravatá, no estado de Pernambuco.

PROJETO

A encomenda chegou com a ideia de uma casa com boa área de convivência, 4 suítes, sendo uma térrea, terraço e aproveitamento da vista trazida pelo lote inclinado e foi graças a essa declividade que conseguimos resolver o programa solicitado com uma inversão da lógica comum das casas, onde a área comum fica no térreo e os quartos em um pavimento superior. Nós decidimos manter a área comum, além de uma suíte, no nível de chegada do lote e locamos as outras três suítes em um nível inferior, aproveitando o terreno inclinado. Com isso, conseguimos que todos os ambientes da casa estivessem com a melhor vista e iluminação natural possível, todos com a mesma orientação. Ainda locamos todos os ambientes de serviço (cozinha, área de serviço, funcionários) no trecho posterior do terreno, área menos privilegiada em relação à ventilação e iluminação natural. 

Além disso, aproveitamos a laje superior dos quartos como um terraço aberto, fortalecendo a vocação da casa para receber encontros de amigos e família. Conectando este terraço aberto à área coberta e comum da casa (sala de estar, jantar, cozinha), temos um terraço coberto com portas do tipo camarão, permitindo abri-las quase que em sua totalidade, possibilitando uma integração total da área coberta com a descoberta.

Do ponto de vista estético, buscamos desenvolver um projeto de casa tradicional, com coberta em telha cerâmica, uma característica bem regional, e optamos por revestimentos mais rústicos, como pedra natural e madeira, trazendo um caráter mais aconchegante para a casa. Além disso, a casa possui estrutura simples, retangular, com pequenos vãos, tornando a obra econômica e rápida, outra demanda solicitada pelos clientes.

Tirando partido do terreno inclinado foi possível inverter a lógica e locar os quartos no volume inferior, criando um grande terraço conectado à área social.

Vista noturna da casa.

O volume inferior, que abriga três dos quatro quartos, é revestido em pedra e tem um aspecto mais rústico e relação direta com o jardim.

A residência foi projetada para que de todos os ambientes a incrível paisagem possa ser contemplada.

O terraço coberto cria uma grande área sombreada e protege a área social da insolação direta, além de ser um convite ao descanso.

A casa se volta toda para a paisagem e para a natureza. O terraço descoberto funciona como uma praça de encontros e eventos da família.